Batismo Infantil – Parte 2

Publicado em: 6 de abril de 2017

Categorias: Estudos de Quinta Feira

Visualizações: 846

Tags:

Batismo Infantil 2

ONDE COMEÇA A IGREJA DE DEUS?

A igreja de Deus tem continuidade tanto no Velho como no Novo Testamento. É errado pensar que a igreja começou com Jesus. Mesmo, antes de Deus chamar a Abraão, Deus já tinha um povo chamado por Ele (Noé, Enoque, Sete, etc). A partir dos dias de Abraão esse povo ficou praticamente confinado a nação judaica.

Mesmo na peregrinação no deserto no livro de Êxodo, muito antes dos judeus terem uma terra prometida, o povo de Deus foi chamado de igreja – congregação (ekklésia) no deserto – ver Atos 7.38.

A CONTINUIDADE DO SINAL DA GRAÇA

Vemos isso em Gênesis 17.7 – aliança entre Deus e a descendência de Abraão. Em Gálatas 3.15 – vemos que ninguém pode revogar ou acrescentar alguma coisa à aliança. Portanto, quem não aceita as crianças no pacto da aliança, recusando seu batismo está desobedecendo aquilo que Deus nos deixou como ordem.

A Circuncisão do velho testamento apontava para uma circuncisão muito maior (Romanos 2.28-29). A circuncisão do coração! Veja que palavra forte Moisés diz aos judeus na planície de Moabe (Deuteronômio 30.6). Moisés fala de homens que eram circuncidados exteriormente, mas não se converteram de coração. Outro texto que nos dá a mesma ideia está em Deuteronômio 10.16.

O BATISMO

Assim como a circuncisão simbolizava a remoção do pecado, mudança de coração e inclusão na família da fé (cf. Dt 10.16; Jr 4.4; Ez 44.7-9), assim também significa o batismo. Em Colossenses 2.11-12 – Paulo descreve a circuncisão como um batismo! “Nele, também fostes circuncidados, não por intermédio de mãos, mas no despojamento do corpo da carne, que é a circuncisão de Cristo, tendo sido sepultados juntamente com Ele, no Batismo, no qual igualmente fostes ressuscitados mediante a fé no poder de Deus que o ressuscitou dentre os mortos” (Cl 2.11-12).

Isso é possível porque eles possuem o mesmo significado. O Batismo não é idêntico à Circuncisão (Rm 4.11), mas corresponde a ela em essência substituindo a Circuncisão como pacto da aliança. Leia também I Coríntios 7.13 – “os filhos são santos (separados para Deus).

BATISMO DE FAMÍLIAS INTEIRAS

  • Atos 16.16 (batismo de todos da casa de Lídia).
  • Atos 16.30-33 (todos os da casa de Cornélio foram batizados).
  • Atos 18.8 (Crespo e todos os de sua casa foram batizados).

CONCLUSÃO

Em razão da Bíblia mostrar de forma clara que há uma continuidade entre a Aliança do Velho Testamento e do Novo Testamento sendo as duas indissolúveis, recusar a batizar os filhos é uma desobediência a Deus.