Laodiceia: o Perigo da Soberba Espiritual

Publicado em: 28 de agosto de 2021

Categorias: Destaques, Estudos de Quinta Feira

Visualizações: 181

Tags: , , , ,

A cidade de Laodiceia foi fundada no ano 250 d.C. pelo governador sírio Antíoco II. O nome da cidade de Laodiceia foi colocado em homenagem à Laodice, esposa de Antioco II. Laodiceia significa “opinião do povo”. Por ser uma cidade de milionários com belos templos e ginásios, gozava de boa reputação na sociedade. Porém, Deus vê o coração e não as aparências (I Sm 16.7).

Se a cidade de Laodiceia gozava de boa reputação, não se pode dizer o mesmo dos crentes que congregavam na igreja de Laodiceia. Os vv.15 e 16 trazem duras palavras de Jesus à igreja. No v.16 Jesus diz que estava a ponto de vomitar a igreja de Sua boca. Esta figura de linguagem deve ser entendida através do contexto geográfico da cidade de Laodiceia. A cidade de Laodiceia ficava localizada próxima às cidades de Hierápolis e Colossos.

Em Hierápolis havia águas quentes medicinais. Em Colossos havia águas frias que saciavam a sede dos viajantes. Já em Laodiceia, as águas chegavam mornas através de dutos. Ou seja, águas sem função alguma. Além disso, as águas de Laodiceia continham carbonato de cálcio, uma substância muito comum no calcário. Esta substância provocava náuseas. A mensagem que Jesus quer passar à igreja de Laodiceia é que eles tornaram-se disfuncionais.

Os crentes de Laodiceia não estavam oferecendo refrigério ao cansado nem cura para o doente espiritual. Uma igreja morna e sem vida, provoca náuseas, daí, Jesus dizer que estava a ponto de vomitar aquela igreja de Sua boca. Como cristãos, não adianta nos orgulharmos de nosso poderio financeiro e intelectual, se perdermos a capacidade de sermos sal e luz.

Na cidade de Laodiceia havia um provérbio:  “estou rico e abastado e não preciso de coisa alguma”. Os crentes de Laodiceia usaram este provérbio para se declaram independentes de Deus e não precisarem de Seu auxílio (v.17). A Bíblia nos diz que sem Jesus nada podemos fazer (Jo 15.5). Precisamos de Jesus para termos saúde, comer, beber, termos roupas, trabalho, proteção, moradia, ânimo, conforto, etc. Jesus diz à igreja: “tu és infeliz, pobre, cego e nu” (v.17) .

Jesus dá oportunidade para que os crentes autossuficientes de Laodiceia que se arrependam (v.19). Quando Ele diz que estava a ponto de vomitar os crentes de Laodiceia de Sua boca significa que Ele ainda não fizera o que tinha vontade e eles ainda tinham oportunidade para arrepender-se. Concluindo, o v.20 afirma que Jesus estava batendo à porta. Abrir a porta para Jesus e permitir que Ele entre na casa e ceie significa que Ele é bem-vindo! Significa fazer de Jesus parte de sua família, significa dizer que Ele é bem-vindo em seu lar e que você quer que Ele não apenas faça parte de sua vida, família e projetos, mas que Ele direcione tudo em sua vida.

Termino perguntando: Jesus é bem-vindo em sua vida? É bem-vindo em seu casamento? É bem-vindo em sua família? É bem-vindo em seu namoro? É bem-vindo em seus estudos? É bem-vindo em seus projetos? Pense nisso.