A Liderança de Moisés

Publicado em: 18 de fevereiro de 2024

Categorias: Destaques, Estudos de Quinta Feira

Visualizações: 319

Tags: , , , , ,

Moisés foi um dos maiores líderes do Povo de Israel. Desde seu nascimento, ele foi preparado pelo Senhor para ser o Libertador do Povo e quem prepararia o povo para se organizar como nação que viria a possuir a terra prometida a Abraão, Isaque e Jacó. Moisés conduziu muitos milagres e feitos; foi quem recebeu os mandamentos e estatutos divinos que seriam o parâmetro da Aliança do Velho Testamento. Ele teve muitos desafios ao longo de sua vida e foi uma referencia para a nação que se formava. Seguramente podemos tirar muitos exemplos de liderança cristã a partir de sua vida, mas vamos pensar hoje sobre quatro aspectos fundamentais: 

Obediência a Deus em todos os aspectos da Vida: Moisés foi um exemplo de obediência a Deus, mesmo em situações difíceis. Ele seguiu as instruções de Deus para confrontar Faraó e liderar o povo de Israel para a liberdade. Sua obediência é evidente em passagens como Êxodo 40:16, no qual ele acabara de receber as orientações para armar o tabernáculo, e vemos que a Bíblia fala que “Moisés fez tudo conforme o Senhor lhe ordenara”. A obediência a Deus, é algo que é fundamental para o líder Cristão, para conduzir bem o povo de Deus.

Compaixão e intercessão: Moisés demonstrou compaixão ao interceder pelo povo de Israel, mesmo quando eles pecaram contra Deus. Em Êxodo 32:11-14, vemos Moisés intercedendo pelo povo depois que eles adoraram o bezerro de ouro, demonstrando sua preocupação com o povo de Deus. Moisés ora intensamente a Deus, pedindo para que ele não trouxesse grande punição ao povo pecador, mas clama pela misericórdia divina. Para ser um bom líder na obra do Senhor, é importante que o líder interceda e entenda ainda as fraquezas de seus liderados, desta forma, ajudando-os a crescer na fé e dependência de Deus.

Confiança e Dependência de Deus: Moisés enfrentou muitos desafios, confiando em Deus para guiá-lo. Quando Deus falou com ele na Sarça Ardente, Deus o exortou a ter ânimo pois o Senhor estaria com ele na tarefa de libertar o Povo. No Egito, Também não foi fail a tarefa de lidar com o obstinado Faraó. Em Êxodo 14:13-14, ele encoraja o povo de Israel a não ter medo, pois Deus lutaria por eles contra os egípcios. Israel estava encurralado, cercado pelo exercito egípcio, por montanhas e pelo Mar, mas ele testemunha o livramento divino. No deserto ele vê a provisão divina através do Maná e das Codornizes. 

Mansidão: Moisés era conhecido por sua humildade e mansidão, apesar de sua posição de liderança. Números 12:3 diz: “Ora, o homem Moisés era muito manso, mais do que todos os homens que havia sobre a terra.” Ser manso, não significa ser feito de bobo ou alguém ingênuo. Isso esta muito ligado ao domínio das emoções. O povo de Israel testou a paciência de Moisés em muitas ocasiões. O povo reclamava, murmurava, e demandava muito do tempo de Moisés. Ele teria todos os motivos para perder a paciência. Porém, ele cumpria sua missão com serenidade e de acordo com a Palavra que o Senhor lhe dava, mesmo quando para executar um julgamento ao povo. Lidar com pessoas, tem suas dificuldades e requer muita mansidão e sabedoria. 

Que os exemplos da vida de Moisés possam ajudar você em seu ministério dentro de sua comunidade, para que você faça a diferença na grande missão de espalhar o evangelho.