Para onde vai alma de quem comete suicídio?

Publicado em: 10 de janeiro de 2019

Categorias: Estudos de Quinta Feira

Visualizações: 264

Tags: ,

Esta é uma pergunta que ouço com frequência porque é comum ouvir que todo aquele que comete suicídio vai para o inferno. Tal ideia se dá pelo fato de que Judas Iscariotes cometeu suicídio após trair a Jesus, daí, muitos que se dizem cristãos fazerem tal afirmação. Recentemente ouvi um testemunho sobre uma mãe desesperada com o suicídio de sua filha. Não somente a tristeza causada pelo suicídio da filha, mas as palavras de uma pastora afirmando que a filha dela estava no inferno por cometer tal ato trouxe revolta e mais dores à pobre mãe.

Creio que o assunto é delicado e deve ser tratado com amor, sensatez, prudência e moderação não somente fora dos arraiais evangélicos, mas principalmente dentro deles. Creio que nem todo o suicida vai para o inferno. Creio que não compete a nós exercemos juízo sobre cada caso. Isto só cabe a Deus. Creio também que o suicídio não é a melhor saída para as situações dramáticas da vida. Não se deve de forma alguma tomar decisões precipitadas quando há instabilidade emocional. Quando instável emocionalmente, a pessoa corre o risco de trocar de emprego ou pedir dispensa dele precipitadamente.

Ela também corre o risco de trocar de cônjuge, abandonar a família, igreja, namorado (a) ou perder seus bens irrefletidamente. Assim também é aquele que flerta com o suicídio. Numa atitude impensada, ela poderá não apenas dar um fim precoce à vida, mas também trazer terríveis dores ao familiares e amigos. Se você conhece alguém que tem pensado no suicídio busque se aproximar desta pessoa. Incentive-a para que se trate. Creio que Deus pode renovar a alegria de viver.