Portas Abertas Divulga Lista Mundial de Perseguição a Cristãos

Publicado em: 4 de fevereiro de 2024

Categorias: Destaques, Notícias

Visualizações: 150

Tags: , , , , ,

Cristãos em Igreja da Nicaragua – Foto Portas Abertas

No decorrer do mês de janeiro, a organização cristã Portas Abertas divulgou seu estudo anual, a Lista Mundial da Perseguição (LMP) 2024, destacando os 50 países com os maiores índices de perseguição aos cristãos. Um dado a ser destacado sobre a LMP 2024 é que nenhum país novo foi incorporado à lista dos 50 mais perigosos; no entanto, houve um aumento na intensidade da perseguição e alterações nas posições de algumas nações. Destacam-se as ascensões de Laos e Nicarágua, em contrapartida às quedas de Turquia e Indonésia.

Enquanto 11 países exibiam extrema perseguição aos cristãos em 2023, esse número subiu para 13 nações em 2024. Este aumento reflete o crescimento no total de cristãos atualmente perseguidos, saltando de 360 milhões na LMP 2023 para 365 milhões na LMP 2024. Arábia Saudita e Síria avançaram para o grau das nações com perseguição extrema em 2024, diferentemente de 2023, quando figuravam com perseguição severa.

Mapa da Perseguição a Cristãos 2024

No total, 21 países ascenderam em suas posições, 21 desceram, enquanto oito permaneceram inalterados na LMP 2024. Destacam-se as significativas subidas da Nicarágua, que galgou 20 posições (de 50ª em 2023 para 30ª em 2024), Omã, que avançou do 47º para o 31º lugar, e as elevações de cinco posições de Cuba e Marrocos, respectivamente.

A escalada da Nicarágua no ranking é atribuída ao aumento das restrições do governo Ortega sobre as igrejas, incluindo prisões arbitrárias de líderes cristãos e o fechamento de instituições cristãs, como universidades. No extremo oposto, as nações que mais caíram foram a Colômbia, caindo 12 posições (de 22ª para 34ª), o Vietnã, com uma queda de dez posições, e Indonésia e Turquia, ambas com nove posições a menos, levando a Turquia para a última posição entre os 50 primeiros países da LMP 2024.

Outra mudança significativa foi observada no Top 3 da LMP 2024, com o Iêmen sendo superado pela Líbia, que subiu da 5ª para a 3ª posição. Além disso, na Lista de Países em Observações (LPO) 2024, que destaca nações com índices significativos de perseguição aos seguidores de Jesus, três novas inclusões foram registradas: Ucrânia, Israel e Líbano, embora ocupem posições inferiores aos 50 primeiros países da Lista Mundial da Perseguição 2024.

Clique aqui e leia o ebook da Lista Mundial de Perseguição

Com informações de Portas Abertas Internacional