O Antigo Testamento apontava para a vinda do Salvador

Publicado em: 10 de dezembro de 2023

Categorias: Destaques, Estudos de Quinta Feira

Visualizações: 80

Tags: , , , , , ,

As Escrituras do Antigo Testamento estão repletas de profecias que apontam para a vinda do Messias, Jesus Cristo. Mas desde quando a Bíblia manifesta que o Salvador viria ao mundo? Vejamos algumas dessas profecias, destacando como foram cumpridas na vida, morte e ressurreição de Jesus.

I. A Promessa do Descendente em Gênesis – Deus prometeu a Abraão em Gênesis 22:18 que através dele seriam abençoadas todas as nações da Terra. A Morte e Ressurreição de Jesus Cristo, descendente de Abraão, estende a todos os povos a graça de Deus, para salvação de todos àqueles que crerem no nome de Jesus Cristo. 

II. Cristo durante o Êxodo – Êxodo 24:17 mostra o cordeiro sendo sacrificado e tendo seu sangue derramado no madeiro para salvar os israelitas da morte que viria sobre os egípcios. Quem foi marcado com o sangue do cordeiro, teve sua vida poupada e salva da destruição. Assim também como a serpente de Bronze, relata em Números 21, trás consigo um apontamento para a salvação vindoura, ao estar pendurada sobre a cruz. 

III. Cristo no período dos Profetas 

Isaías foi o profeta, que sem dúvida, mais falou sobre a vida do Messias. Em Isaías 7:14, temos a profecia da virgem que conceberia um filho, cujo nome seria Emanuel. Em Isaías 9:6, temos a Descrição do Messias como “Maravilhoso Conselheiro, Deus Poderoso, Pai da Eternidade, Príncipe da Paz”. E por fim em Isaías 53, a descrição detalhada do sofrimento do Servo de Deus, identificado como o Messias, que levaria os pecados do povo.

O profeta Miquéias 5:2 traz a predição de que o Messias nasceria em Belém, a cidade de Davi.

O profeta Zacarias, em Zacarias 9:9 cita a imagem do Messias montado num jumento, simbolizando Sua humildade e realeza.

O profeta Daniel, no capítulo 2 de seu livro, vislumbra a plenitude do tempo em que a vinda do Messias deveria acontecer, através da interpretação do sonho de Nabucodonosor. O Rei sonhara com uma estatua feita de diversos materiais que representavam uma sequência de impérios que haveriam de existir até a vinda do reino de Deus, simbolizado pela rocha que derruba a estatua. 

Ao examinarmos essas profecias, fica claro que o Antigo Testamento apontava consistentemente para a vinda do Messias, que seria o Salvador do mundo. Jesus Cristo, ao cumprir essas profecias, demonstrou ser o prometido Filho de Deus. Que possamos compreender a maravilha da providência divina e celebrar o cumprimento das promessas em Cristo. Que as Escrituras fortaleçam nossa fé na fidelidade de Deus em todo o tempo!