Estudo aponta para aumento de Evangélicos na República Dominicana

Publicado em: 13 de agosto de 2022

Categorias: Destaques, Notícias

Visualizações: 29

Tags: , , , ,

A República Dominicana tem como religião oficial o catolicismo desde 1954. Porém, o país atualmente é um estado laico e tem liberdade de culto, instituídas na Constituição de 2010. De acordo com Evangelical Focus, após a flexibilização da religião ser instaurada, a população se mostrou disposta a abandonar o catolicismo. Até algumas décadas atrás, cerca de 90% da população se dizia católica, hoje esse percentual caiu para menos da metade.

Segundo informações do Relatório de Liberdade Religiosa da Embaixada dos EUA na República Dominicana, os católicos perderam sua hegemonia no ano de 2020. Os dados mostram que em 2008, os evangélicos representavam cerca de 12% da população, já em 2020 eles chegaram a 26% totalizando 11,3 milhões de pessoas. O CODUE, Conselho Dominicano de Unidade Evangélica, afirma que os protestantes são cerca de 30% da população e a tendência é aumentar.

De acordo com estudo realizado no ano de 2018, 29,4% da população afirmou que não faz parte de nenhuma religião específica, apesar de não se considerar ateu ou agnóstico. Igrejas como a Adventista do Sétimo Dia, Testemunha de Jeová, Mórmons entre outras, também estão sendo representadas. A comunidade muçulmana na República Dominicana tem cerca de 2.500 membros, enquanto a liderança judia diz que cerca de 350 membros de sua comunidade vivem em Santo Domingo e em Sosua, província de Puerto Prata. 

O declínio católico

A CED – Conferência Episcopal Dominicana, informou em seu site oficial que o país tem cerca de 85,8% da população católica. Os dados apresentados, contudo, mostram uma avaliação contrária, inclusive, as estatísticas do Vaticano de 2019. A embaixada americana diz em seu relatório, que em 2020 os católicos representavam 49% da população residente no país. O barômetro latino disse em 2008, que a população católica do país representava 68%, já em 2016 caiu para 55% e em 2020 foi para 49%.

Vale ressaltar um dado sobre casamento: Em 2021, houve um declínio no número de matrimônios católicos, enquanto os casamentos de outras religiões cresceram.

Com informações de Gospel Prime