Deus precisa de um “plano B”?

Publicado em: 14 de julho de 2020

Categorias: Destaques, Estudos de Quinta Feira

Visualizações: 115

Tags: , ,

“A sorte se lança no regaço, mas do Senhor procede toda decisão.”

Proverbios 16.33

As obras da providência de Deus são a sua maneira muito santa, sábia e poderosa de preservar e governar todas as suas criaturas e todas as ações delas” (Breve Catecismo de Westminster, p. 11). Se a criação do mundo foi um exercício único da energia divina que criou todas as coisas, a providência é um exercício continuado da mesma energia.

Por meio dela o Criador, de acordo com sua própria vontade, preserva todas as criaturas, envolve-se em todos os acontecimentos e dirige todas as coisas aos seus fins determinados. Deus está totalmente no comando do seu mundo. Sua mão pode estar escondida, mas seu governo perfeito abrange todas as coisas. Imagina-se, às vezes, que Deus conhece o futuro, mas não tem controle sobre ele; que ele sustenta o mundo, mas não interfere nele, ou que ele dá ao mundo uma direção geral, mas não se preocupa com detalhes.

A Bíblia, enfaticamente, rejeita todas essas limitações de sua providência. A Bíblia ensina, claramente, o controle providencial de Deus:

  • Sobre o universo em geral, SI 103.19; Dn 4.35; Ef 1.11;
  • Sobre o mundo físico, Jó 37; SI 104.14; 135.6; Mt 5.45;
  • Sobre a criação irracional, SI 104.21,28; Mt6.26; 10.29;
  • Sobre os negócios das nações, Jó 12.23; SI 22.28; 66.7; At 17.26;
  • Sobre o nascimento e destino na vida do homem 1Sm 16.1; SI 139.16; Is 45.5; GI 1.15-16;
  • Sobre o sucesso externo e fracassos na vida do homem, SI 75.6-7; Lc 1.52;
  • Sobre coisas aparentemente acidentais ou insignificantes, Pv 16.33; Mt 10.30;
  • Na proteção dos justos, SI 4.8; 5.12; 63.8; 121.3; Rm 8.28;
  • Em suprir as necessidades do seu povo, Gn 22.8, 14; Dt 8.3; Fp 4.19;
  • Em responder às orações, 1Sm 1 .19; Is 20.5-6; 2Cr33.13; SI 65.2; Mt 7.7; Lc 18.7-8;
  • No desmascaramento e punição do ímpio, SI t12-13; 11.6

Extraido de L. Berkhof, Systematic Theology, 2a edição revista [Grand Rapids: Wm. B. Eerdmans Publishing Co., 1941 ], p. 168).