As Escrituras Sagradas

Publicado em: 4 de abril de 2019

Categorias: Estudos de Quinta Feira

Visualizações: 146

Tags: ,

Primeira parte

Crédito: Pexels on Pixabay

A Bíblia está intimamente ligada a revelação especial de Deus. Alguns afirmam, inclusive, que elas são sinônimas (a mesma coisa), porém há algumas distinções que são importantes destacar: Se for presumido que a revelação especial de Deus é uma comunicação direta de Deus, não é possível, então, considerar como sendo o mesmo que a Bíblia, uma vez que há fatos históricos e mensagens dos profetas que foram inspiradas, mas não ditas diretamente por Deus. Neste sentido diz-se que a Bíblia CONTÉM a palavra de Deus, mas não é a palavra de Deus.

Agora, quando se utiliza o termo revelação especial para caracterizar um conjunto de verdades e fatos redentores que provém da vontade de Deus e está em conformidade com seus desígnios, pela Bíblia ser infalível e totalmente inspirada pelo Espírito Santo, ela, então, é a revelação de Deus. Nesse sentido, a Bíblia não contém apenas a palavra, mas ela É A PALAVRA DE DEUS.

DIFERENTES TRADUÇÕES

A Bíblia é o meio principal que Deus atualmente fala conosco. Dado a sua grande importância, é necessário que se saiba defender sua santidade e perfeição. É importante, também, saber que há diferenças de traduções e quantidade de livros dependendo da versão da Bíblia.

As versões aceitas no meio protestante são as que se baseiam na tradução de João Ferreira de Almeida (1628-1691). Sendo as três mais comuns: Almeida Revista e Corrigida (RC), que preserva grande parte dos textos originais de Almeida (versão bastante utilizada pela Assembleia de Deus); Almeida Revista e Atualizada (RA), que surgiu do propósito de retificar eventuais lapsos na tradução Revista e Corrigida (RC). Esta versão tem uma melhor compreensão de muitos textos bíblicos e é a versão adotada pela Igreja Presbiteriana do Brasil. A Nova Tradução na Linguagem de Hoje (NTLH) busca uma simplificação do texto para melhor compreensão. Dada esta relativa facilidade de leitura muitos se perguntam: Se a NTLH é mais simples porque não é adotada pela igreja Presbiteriana?

Mesmo sendo de leitura mais fácil, a simplificação acaba por perder certos sentidos que só podem ser atingidos com o uso específico de determinada palavra, mesmo que ela seja mais formal ou esteja em desuso.
Fora estas três versões, ainda há outras como a Nova Versão Internacional (NVI), Versão King James (KJV), Nova Almeida Atualizada (NAA), Tradução Brasileira (TB) etc.