Vencendo a Ansiedade

Publicado em: 27 de fevereiro de 2019

Categorias: Devocionais

Visualizações: 204

Tags:

A carta de Paulo aos filipenses é conhecida como a carta da prisão. Ela foi escrita no ano 61 d. C. quando o incansável apóstolo estava preso em Roma. O tema central da carta é a alegria. Paulo teria todos os motivos para estar angustiado, aflito e desesperançado. A ansiedade poderia ter tomado conta de sua vida. Mas não é isto que ele mostra na carta. Paulo cria piamente que Deus estava no controle da situação e mostra que um dos grandes remédios para se combater a ansiedade é se alegrar em Deus. “Alegrai-vos no Senhor, outra vez digo, alegrai-vos” (Fp 4.4) e a recomendação do apóstolo.

A alegria maior daquele que ama a Deus não deve estar em bens materiais, dinheiro ou riquezas. Jesus alertou sobre o perigo dos bens materiais. Foi o segundo assunto que mais abordou depois do reino de Deus. Jesus disse que não podemos servir a dois senhores. Não podemos servir a Deus e as riquezas (Mt 6.24). Não é pecado ser rico, o grande pecado é querer passar por cima de tudo e de todos para querer ficar rico. O próprio apóstolo afirmou que se tivermos o que comer e o que vestir devemos estar contentes (I Tm 6.8). Recordo do furacão Katrina que atingiu Nova Orleans nos E.U.A. em 2005.

Muitos pessoas riquíssimas perderam seus bens e o resultado foi um número de suicídios altíssimo. A atitude desesperada destas pessoas mostra que a confiança e alegria não estava no Senhor. Jó, ao receber a notícia de que perdera todos os seus bens, reagiu com adoração (Jó 1.20-22). Reagiu desta forma porque sua alegria e confiança estavam no Senhor (Jó 19.25). Se você está ansioso devido às preocupações com seu futuro, guarde esta frase de Eugene Peterson: ” A preocupação que causa ansiedade com as necessidades e os desejos da vida diária distrai-nos de Deus, que já está presente em cada detalhe para ajudar, prover e redimir mediante Seu amor.” Alegre-se no Senhor! Creia que Ele está cuidando de você.

O apóstolo Paulo teria todos os motivos para viver ansioso e sem esperanças quando escreveu a carta aos filipenses. Afinal, o incansável apóstolo estava preso por pregar a Palavra de Deus (Fp 1.13-14). Mas não é o que acontece. Ele estimula os crentes de Filipos a continuarem firmes na fé e traz algumas dicas para vencer a ansiedade. A primeira é alegrar-se no Senhor (4.4). A segunda é a prática da oração (4.6-7). A oração é um excelente remédio para aquietar a alma.O propósito da oração não é mudar as decisões do SENHOR. O propósito da oração é gerar mais intimidade com Deus e depositar nossa confiança totalmente Nele. A oração aquietou o coração de Paulo na prisão. Paulo orou e Deus mostrou ao apóstolo que estava no controle da situação. Se você vive tempos difíceis e a ansiedade tem roubado sua paz é hora de voltar à prática da oração. Creia que Deus sabe do que você precisa antes que peça a Ele (Mt 6.6-8).