Descoberta Ruínas da Igreja onde ocorreu o Concílio de Nicéia

Publicado em: 10 de novembro de 2018

Categorias: Notícias

Visualizações: 52

Tags:


Ruínas da igreja cristã submersa. (Foto: Pen News)

A Igreja na qual foi realizado o Concílio de Nicéia foi descoberta na Turquia. O Concílio de Nicéia, realizado no ano 325 D. C., foi um dos principais da Igreja Primitiva, no qual combateu-se a heresia que era propagada por grupos gnósticos, os quais afirmavam que Jesus Cristo não era Deus. 


Ruínas de igreja cristã. (Foto: Pen News)

Mustafa Şahin, chefe de arqueologia da Universidade Bursa Uludağ, uma das principais instituições públicas de pesquisa da Turquia, afirma que a estrutura que hoje está submersa no lago Iznik foi encontrada usando fotografias aéreas. A cidade de Nicéia fora destruída no ano 740 D. C. e mudou muito a topografia local. 

Antes do terremoto, a Igreja ficava às margens do lago Iznik, após, ficou submersa a mais de 3 metros do nível da moderna cidade de Iznik. Sahin afirma “Eu estava fazendo pesquisas de campo na região de Iznik [desde 2006], e não imaginava que iríamos descobrir uma estrutura tão magnífica assim debaixo d’água.” Seu pedido para o governo é que o local seja protegido e ali seja construído um museu arqueológico subaquático, além de uma passarela sobre o lago, que permita aos visitantes do local visualizarem as estruturas subaquáticas.

Desde 2014, quando as primeiras fotografias aéreas feitas no local, a equipe de arqueólogos turcos vem trabalhando na região para tentar decifrar os segredos da basílica.  A História da Igreja mostra a importância do local, onde o Imperador Constantino convocou o primeiro conselho de líderes da Igreja. O Concílio de Nicéia acabou com a heresia do arianismo e afirmou que Jesus não era “um ser criado”. Os arqueólogos acreditam que a igreja foi construída em cima de um templo pagão, dedicado a Apolo.